Pages

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Mais uma vez...


Aquela velha frase "cada escolha, uma renúncia", começava a fazer todo o sentido. A liberdade que ela tanto queria estava ali, em suas mãos, ela só não sabia que junto com ela viria a solidão.
Quando largou tudo para "ser feliz", esqueceu de levar em sua bagagem alguns itens importantes, como o amor, a paixão e outros, como o perdão e a esperança, caíram no caminho, mas ela estava com pressa demais de viver para voltar atrás e resgatá-los.
Mas foi em uma madrugada, sem festas, glamour, vodka e companias interessantes e/ou interesseiras, que ela se afundou em um mar escuro de mágoas e decepções. Lembrou de tudo o que viveu, de tudo o que passou e o porquê de estar ali, fugindo da realidade, das pessoas que julgava gostar, de si mesma.
Ela esqueceu que para começar do zero uma vida não era necessário anular o passado e muito menos se privar de ter novas experiências! Que um coração endurecido ao invés de trazer a tranquilidade do "não sofrer" pode acarretar sensações e sentimentos muito mais dolorosas. Que um rímel ou um batom só maquia o que é externo, mas aquilo que se passa ali, bem no fundinho do coração, não se disfarça, não se esconde.
Novamente, percebeu que a única maneira de alcançar a felicidade que tanto procura, é voltar lá no começo... Perdoar, se refazer, renovar a capacidade de se apaixonar e amar. Quando isso tudo estiver na quantidade certa dentro da mala, aí sim, a viagem e a vida, mais uma vez, podem continuar...

4 fragmentos lançados:

Apenas alguém... disse...

Hello Pessoa Linda! Meu pai não leu o texto, ele não lê meu blog... e acho q ficaria com vergonha de mostrar pra ele. Hehehehe. E espero que esse seu novo recomeço seja ainda mais cheio de sucesso e mtas bençãos... Independente de onde irá recomeçar, saiba que comigo sempre poderá contar! Monte de beijos de quem te adora mto!

Ana B. disse...

nossa... que texto mais bonito!

Triste e bonito...
Se bem que nem é tão triste ter consciência de que é preciso mudar um monte de coisas, né? Por mais que seja doloroso, é bem melhor do que continuar na mesma vida vazia.

Fazia tempo que eu não lia seus textos... lindos!

=)

Entropicamente Correto disse...

e a vida continua... pra todos nós...
pássa la no meu depois...
http://entropicamentecorreto.blogspot.com

bjo daniel

Pensamentos Diretos disse...

putz, sem palavras para esse texto! disse tudo muito bom! parabéns!

 

Sample text

Sample Text

"Vista-se mal e notarão o vestido. Vista-se bem e notarão a mulher." (Coco Chanel)